Associação Brasileira da Construção

Industrializada de Concreto

EDITORIAL - 38º NEWSLETTER - EDIÇÃO ESPECIAL 30

Prezados Associados,

As notícias para o setor da construção seguem positivas. O SNIC e a ABCP divulgaram que as vendas no mês de outubro do setor de cimento mantiveram a curva ascendente, atingindo 6,0 milhões de toneladas, um crescimento de 14,5% em relação ao mesmo mês de 2019. No acumulado do ano, as vendas também positivas chegaram a 50,5 milhões de toneladas.

Ainda na reunião do Deconcic (Departamento de Construção da FIESP), o economista Fernando Garcia mostrou que as construtoras e mercado imobiliário apresentaram no acumulado do ano saldo positivo de 1,5% no número de pessoas ocupadas. Já sobre a questão dos insumos, foi apresentado um estudo que o desabastecimento foi reflexo da retomada da demanda, em “V”, muito rápida, superando, desse modo, as expectativas dos fabricantes de materiais de construção.

Outra informação importante para o mercado é que está oficializada a prorrogação da desoneração da folha de pagamento até o final de 2021, conforme publicado na edição extra do Diário Oficial em 6 de novembro. Houve ainda a divulgação de que os novos textos de quatro normas regulamentadoras (NRs), incluindo a NR18, passarão a vigorar somente a partir de 1º de agosto de 2021.

Nesta semana, a construção industrializada em concreto foi destaque nos principais eventos do setor, como 21º Seminário Tecnologia de Estruturas, que mostrou o case da Lucio Engenharia. Já a Concrete Show trouxe uma palestra sobre a viabilidade do sistema em edifícios residenciais e comerciais, enquanto o prêmio Produtividade elegeu como vencedor na categoria Projeto o empreendimento Parque da Cidade, cuja a pré-fabricação foi essencial para atendimento do ousado cronograma da obra.

Um abraço a todos!

Iria Lícia Oliva Doniak
Presidente Executiva