Associação Brasileira da Construção

Industrializada de Concreto

Estudo da reforma tributária é apresentado no 2º Encontro das Entidades da Rede de Incorporação Imobiliária

No dia 12 de junho, a Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) promoveu o 2º Encontro de Entidades da Rede de Incorporação Imobiliária, cujo destaque foi a apresentação pelo professor Robson Gonçalves, da Fundação Getulio Vargas, do “Estudo da Reforma Tributária”, elaborado pela entidade em parceria com a FGV. O estudo avalia o impacto da proposta de Reforma Tributária PEC 45 no setor de incorporação e seus efeitos para toda a cadeia produtiva da construção civil.

O encontro, que ocorreu no Hotel Transamérica Executive Faria Lima, em São Paulo, contou com a participação de 31 representantes das entidades que compõem a Rede de Incorporação Imobiliária, incluindo a Abcic, por meio da presença da presidente executiva, Íria Doniak. 

“Foi de extrema importância a participação deste encontro. A ABRAINC contratou um estudo junto à FGV que demonstra que o setor da construção civil, por desonerações que foram acontecendo ao longo dos últimos anos, tem o menor índice de incidência de tributos e que numa equalização certamente perderá competividade o que certamente será um problema, pois impactará diretamente na redução de investimentos e empregos, caso este tema não venha a ser avaliado e tratado. Participamos do grupo “Do mesmo Lado” que congrega as entidades ligadas a construção civil, liderado pela ABRAINC. Parabenizamos as iniciativas que tem possibilitado atuarmos em temas relevantes em prol do desenvolvimento e do avanço da construção civil”, disse Íria.

Além da exposição sobre Estudo da Reforma Tributária, o encontro também teve as apresentações das ações em andamento realizadas pelos diversos Grupos de Trabalho, como a Elaboração do Prêmio Técnico, o Manifesto sobre a Medida Provisória do Saneamento e o BIM 4.0. Ao final, houve um debate entre os representantes das entidades presentes. A ABCIC integra o grupo de inovação, liderado por Rodrigo Navarro, Presidente da ABRAMAT (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção), em cujo contexto, as pautas da industrialização vêm sendo inseridas, pois são transversais a temas como cidades inteligentes e indústria 4.0.