Associação Brasileira da Construção

Industrializada de Concreto

Normas

A ABCIC participa ativamente em Comitês Técnicos da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para a elaboração de normas técnicas que balizem e viabilizem a construção industrializada de concreto no Brasil. A entidade, inclusive, foi incentivadora de todas as normas técnicas do setor lançadas após a primeira versão da ABNT NBR 9062 – Projeto e execução de estruturas de concreto pré-moldado.

 

Histórico das normas relacionadas ao pré-fabricado de concreto

Em setembro de 1985: publicada a norma ABNT NBR 9062:1985, com 36 páginas.

Em dezembro de 2001: inserida emenda referente ao Eurocode 2 – Structural Fire Design para o dimensionamento em situação de Incêndio, cuja validação teve início em janeiro de 2002.

Em maio de 2002: publicada a norma ABNT NBR 14861:2002 –Laje pré-fabricada - Painel alveolar de concreto protendido – Requisitos.

Em novembro de 2004: publicada a norma ABNT NBR 15200 - Projeto de estruturas de concreto em situação de incêndio.

Em dezembro de 2006: publicada a revisão da norma ABNT NBR 9062:2006, com 59 páginas. Houve a adequação, seguindo as diretrizes da norma ABNT NBR 6118:2004 - Projeto de estruturas de concreto — Procedimento. Contribuições advindas da implantação do Selo de Excelência Abcic, programa que atesta qualidade, segurança e meio ambiente de unidades de produção e obras que havia entrado em vigor em 2003.

Em novembro de 2011: publicada a revisão da norma ABNT NBR 14861:2011 – Lajes alveolares pré-moldadas de concreto protendido — Requisitos e procedimentos. Uma solicitação da ABCIC, após ter realizado a Missão Internacional Bélgica e Inglaterra e constatar que a norma vigente até então estava muito aquém das necessidades de requisitos para que as lajes alveolares pudessem vir a ter ampliada sua produção e utilização. Em paralelo, a ABCIC, representada por Íria Doniak, Marcelo Ferreira e Eduardo Millen integraram o Grupo de Trabalho 6.11 da fib, contribuindo significativamente para um entendimento mais amplo do produto, o que agregou valor significativo aos conceitos e estruturação da norma.

Em 2013: publicada a ABNT NBR 15575 – Desempenho de Edificações Habitacionais, que traz impacto para o setor, especialmente, nos sistemas voltados a painéis. A ABCIC apoia a ação da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), no desenvolvimento do Guia Orientativo para atendimento a norma.

Em janeiro de 2014: publicada a norma ABNT NBR 16258:2014 - Estacas pré-fabricadas de concreto – Requisitos

Entre 2012 até 2016: a Comissão de Estudos trabalhou para a revisão da norma, com a participação total de 79 profissionais, entre fornecedores de estruturas pré-fabricadas de concreto, membros da academia e engenheiros projetistas. Destaque para dois profissionais, que participaram de temas específicos: o professor e engenheiro Fernando Rebouças Stucchi, que atuou no assunto sobre resistência ao fogo e sua interface com a ABNT NBR 15200 e as normas internacionais e o professor e engenheiro Paulo Helene, que conduziu os trabalhos referentes à tecnologia do concreto e sua interface com a ABNT NBR 12655:2015 – Concreto: Controle, Preparo e Recebimento - Procedimento, que passou a referenciar que complementarmente para o concreto pré-moldado haveria a necessidade de consultar também a NBR 9062.

Em setembro de 2016: aprovação do texto final após consulta pública, com 89 comentários aceitos.

Em 15 de março de 2017: publicada a norma ABNT NBR 9062:2017, com 86 páginas.

Em 15 de março de 2017: publicada a norma ABNT NBR 16475: 2017 - Painéis de parede de concreto pré-moldado

Além destas normas acima referenciadas, outras específicas, como a ABNT NBR 15823 – Concreto auto adensável, a ABNT NBR 7212 – Execução de Concreto Dosado em Central – Procedimento e a norma de Aparelhos de Apoio também possuem relação de interface com o setor.