Associação Brasileira da Construção

Industrializada de Concreto

Mackenzie com apoio do IBRACON homenageia o professor Simão Priszkulnik

Crédito: Mackenzie

Promovido pelas instituições, no dia 12 de novembro uma homenagem especial ao engenheiro Simão Priszkulnik, professor emérito da Escola de Engenharia (EE) da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). A presidente executiva da Abcic, Íria Doniak, esteve presente na solenidade.

Com uma visão inovadora, Priszkulnik tem trabalhado intensamente para o desenvolvimento da construção civil. Ele participou ativamente da fundação do Ibracon, em 1972, sendo presidente por duas gestões (1981-1983 e 1983-1985) e tem contribuído, desde 1973, quando iniciou sua carreira na UPM, para a formação de profissionais da engenharia. Seja orientando diversos projetos de pesquisa ou atuando como professor de materiais da construção, seu empenho tem contribuído para que o mercado recebesse engenheiros de destaque na área de tecnologia de materiais e estruturas de concreto.

Priszkulnik também forneceu seu conhecimento e experiência ao mercado. Formado em Engenharia Civil pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, Priszkulnik foi engenheiro tecnologista no Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) de 1964 até 1976 e na Hidroservice Engenharia de Projetos de 1977 até 1997. 

Íria relembra que o professor emérito do Mackenzie, título honorífico recebido por ele neste ano, foi homenageado pela Abcic, em 2015, durante a entrega do Prêmio Obra do Ano. “O Professor Simão é um entusiasta de novas tecnologias e nos incentivou na criação a quatro-mãos da disciplina optativa de pré-moldados de concreto no Mackenzie. Parceiro da engenharia de concreto e da pré-fabricação sem dúvida um exemplo a ser seguido” Pontou Íria.

Os alunos do professor ao longo de sua carreira estiveram presentes, destacando-se o professor Vahan Agopyan, magnífico reitor da USP (Universidade de São Paulo), engenheiro civil de formação e orientados mais recentes em seus trabalhos de conclusão de curso apresentaram uma síntese de seu estudo.

A cerimônia foi corada de emoção em sua abertura pelas palavras do capelão da universidade, pelo discurso de homenagem do professor Vasconcelos que lembrou o trabalho do professor Simão em seu escritório de projeto e pela regência da orquestra, por sua esposa, de clássicos da música clássica internacional, latina e brasileira.